O que as empresas ganham com a LGPD?

Já sabemos que a LGPD é uma lei bem-vinda e que toda e qualquer pessoa está mais protegida com ela.

Mas, e as empresas, ganham algo implementando um bom Programa LGPD? A resposta é: sim, os benefícios que as empresas podem ganhar são visíveis e relevantes, conheça alguns deles logo a seguir.

  • Quem preza os direitos de seus clientes, funcionários, parceiros etc. cria um ambiente de relações de confiança e respeito mútuo com eles. Neste ambiente pelo menos duas coisas boas acontecem:
  • a cultura da empresa se aperfeiçoa: melhora o clima organizacional, o comprometimento dos funcionários aumenta, as fraudes diminuem… e
  • a imagem e a reputação da empresa se fortalecem o que, evidentemente, aumenta a fidelização de clientes.
  • Existem ganhos diretamente ligados aos negócios. Uma pesquisa realizada em janeiro/2020 pela Cisco – uma grande empresa de tecnologia – revelou que cerca de 70% das empresas que adotaram um programa de privacidade e proteção de dados:
  • Receberam benefícios comerciais significativos.
  • Aumentaram a atratividade para investidores.
  • Aceleram os processos de inovação.
  • Otimizaram a eficiência operacional.
  • Diminuíram perdas por violação de dados.
  • Reduziram atrasos nas vendas.

A pesquisa mostrou, ainda, que 82% das empresas já considera as certificações de privacidade como um importante fator na hora da escolha de fornecedores.

  • Há também o ganho da consciência limpa. Ao cumprirem as leis, as empresas afastam das costas de seus proprietários, dirigentes e funcionários as “assombrações das coisas malfeitas”. E, com certeza, evitam malefícios ou penalidades como estes:
  • Bloqueio dos dados pessoais a que se refere a inflação até sua regularização.
  • Suspensão parcial ou total do funcionamento do banco de dados a que se refere a inflação.
  • Suspensão do exercício da atividade de tratamento da dados.
  • Proibição parcial ou total do exercício das atividades relacionadas a tratamento de dados.
  • Multa de até 2% do faturamento da empresa; grupo ou conglomerado até o limite de R$ 50 milhões de reais por infração.
  • Multa diária.
  • Publicização da infração.
Tags: Sem tags
0

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *